Leser/innenkommentare

Os Melhores Exercícios Anti-envelhecimento

"Lavinia" (2018-06-09)

 |  Antwort abschicken

Os benefícios da prática regular do exercício físico prontamente estão bem documentados, entretanto as recomendações de qual o tipo de exercício para os privilégios de saúde permanecem ainda incertas devido em amplo divisão dos dados científicos conflitantes para estas recomendações. Dada à necessidade de se diminuir as taxas de obesidade, os exercícios necessitam ser baseados em evidências científicas das relações entre o tipo de exercício e as mudanças ocorridas pela constituição corporal dos sujeitos.


A maioria dos estudos publicados abordando musculação e mudanças de massa gorda compararam apenas a musculação com um grupo de controle inativo e fonte desta matéria não com o treino aeróbico. Um dos melhores e poucos estudos efetuados fonte desta matéria relação MUSCULAÇÃO X TREINO AERÓBICO, Willis et al. Musculação mais treinamento aeróbio (mesmos protocolos anteriores). A união de treinamento aeróbico e de musculação disponibilizou um efeito potencializador pela redução de massa de gordura corporal em comparação com ao treino Aeróbico sozinho e a musculação sozinha. A inexistência de perda de gordura observada com a musculação por esse estudo é justiçada pelo acrescentamento na músculo (Schmitz et al; e Sigal et al). Contudo, existem relatos conflitantes pela literatura a respeito se a musculação precisa ou não impulsionar a perda de massa gorda. Um outro local interessante que eu gosto e cita-se sobre o mesmo tema por esse web site é o blog fonte desta matéria. Talvez você goste de ler mais sobre isto nele.


Alguns estudos randomizados controlados mostraram que a musculação reduziu de forma significativa a massa de gordura (Schmitz et al), durante o tempo que que outros estudos, mostraram uma diminuição pequena (Sigal et al) ou nenhuma transformação na massa gorda (Olson et al). Vendo as informações de inmensuráveis estudos, observa-se que ocorreu a diminuição no percentual de gordura corporal (sem modificação da massa gorda), uma vez que foram alterados unicamente pelo paralelo acrescentamento da massa corporal magra. Deve ser enfatizado que a musculação aumentou a massa corporal magra e isso é Bastante BENÉFICO não somente pra manutenção a extenso prazo do processo de perda de calorias como pra SAÚDE E Peculiaridade DE Vida.


Em ligação a comparação se o treino aeróbico ou a musculação é superior na diminuição da gordura corporal, o estudo de Willis et al. TREINO AERÓBICO diminuiu significativamente em tal grau o peso corporal quanto a massa de gordura MAIS DO QUE A MUSCULAÇÃO. Enquanto os dois tipos de exercício (Aeróbico e musculação) produziram mudanças estatisticamente iguais no percentual de gordura, essas alterações foram impulsionadas por diferentes mecanismos, onde a musculação aumentou a massa corporal magra e o aeróbico diminuiu a massa gorda.



  • Salada de milho e tomate

  • Meditar, exercício e socialização são as melhores formas de gerenciar o estresse

  • 9 Compre roupas um tanto justas e lute pra caber dentro delas. Como? Perdendo peso

  • 2 colheres (sopa) de abobrinha refogada

  • Alongamento dos músculos

  • Auxiliador de abdominais

  • Prancha frontal com deslocamento lateral

  • Diminuição da pressão nas artérias



fonte desta matéria

Alguns outros grandes estudos randomizados controlados que examinaram os efeitos de ambos treino aeróbico e musculação pela diminuição da gordura em adultos. Sigal et al. observaram uma significativa redução em tal grau de massa corporal e massa gorda com a treino aeróbico e uma tendência para diminuição da massa gorda com a musculação.


Há ainda fortes evidências que a OBESIDADE VISCERAL está mais fortemente correlacionada com as fonte desta matéria doenças cardiovasculares do que as medidas da obesidade, por exemplo IMC e do percentual de gordura. Alguns estudos mostraram que o Aeróbico reduziu a gordura visceral mais do que a musculação (Slentz et al). Também, o estudo de Bateman recomendou que o treino aeróbico melhorou significativamente os indicadores da síndrome metabólica mais do que a musculação.


Uma recente meta-observação de comparação do treino aeróbico e da musculação mostraram uma maior diminuição da gordura visceral com a o Aeróbico no momento em que comparado com a musculação (Ismail). Assim, as evidências mostraram que o exercício Aeróbico parece ser o melhor tipo de exercício pra cortar a quantidade de gordura corporal. É relevante perceber assim como que a união de Treino Aeróbico e Musculação diminuiu a circunferência abdominal mais do que o fez a musculação ou o aeróbico sozinhos. Desse jeito ao sondar isoladamente se o aeróbico é melhor que a musculação no emagrecimento, a resposta baseadas nos estudos é que O TREINO AERÓBICO FOI MAIS Competente DO QUE A MUSCULAÇÃO Pela REDUÇÃO DE GORDURA EM ADULTOS OBESOS E SEDENTÁRIOS.


Ainda que o check-up da literatura a respeito de os efeitos da musculação em ligação a diminuição da massa gorda não seja conclusivo, a musculação ainda é referendada como um competente meio para o tratamento da obesidade. Apesar de requerer mais tempo de treino, um PROGRAMA DE COMBINAÇÃO DE TREINO AERÓBICO E DE MUSCULAÇÃO RESULTOU Em uma PERDA Superior DE MASSA DE GORDURA DO QUE O TREINO AERÓBICO E A MUSCULAÇÃO SOZINHOS.


A American Heart Association Science Advisory admite que a musculação adiciona o treino Aeróbico pra redução e manutenção da gordura corporal baixa no decorrer do tempo. Porém, uma prescrição de exercício otimizada poderá diminuir o tempo de execução mesmo com uma união de Treino Aeróbico e Musculação (Marra et al, Nybo L, et al).


É interessante ainda levar em conta que a conversa acima foi só visando as respostas fisiológicas para a diminuição da gordura corporal. É de entendimento vasto que as duas modalidades de exercícios acima promovem centenas de outras adaptações fisiológicas e cabe ao aluno e ao professor chegarem a um acordo pra que se chegue aos objetivos propostos.



Kommentar hinzufügen